Parlamento Jovem de João Pinheiro realiza plenárias municipais

por Vinícius Mendonça publicado 03/07/2017 14h17, última modificação 03/07/2017 14h17
O tema de 2017 é Educação Política – Conhecer e Participar que tem como foco principal a Educação Política nas escolas

   O parlamento Jovem Minas 2017 de João Pinheiro realizou na ultima semana a plenária municipal que tem como objetivo colocar em prática os ensinamentos adquiridos nas oficinas e votar propostas a nível municipal e estadual.

   O tema de 2017 é Educação Política – Conhecer e Participar que tem como foco principal a Educação Política nas escolas, criar ambientes mais democráticos e cidadãos mais conscientes.

   Foram votadas 22 propostas, parte delas que são de cunho municipal, serão entregues em um documento oficial aos vereadores para apreciação, as de força estadual serão levadas a plenária regional que acontece em agosto em Unaí Polo Noroeste.

   Dentre as propostas existem desde a criação de grupos de discussão política a mini observatórios da transparência escolar.

   O tema sugerido por João Pinheiro para 2018 é a “Violência contra a mulher”

   As propostas aprovadas seguidas das justificativas você confere abaixo:

PLENÁRIA MUNICIPAL DO PARLAMENTO JOVEM DE MINAS 2017  DA CIDADE DE JOÃO PINHEIRO

João Pinheiro (MG), 28 de junho de 2017.

 

Grupo 1 subtema 1 Educação Politica e Currículo

Subtema1: Educação politica e currículo

A Proposta nº 1 do subtema nº 1 - 1º Oficina Ed. Política

Os alunos em oficinas participaram de reuniões nas câmaras municipais votando e aprovando medidas que posteriormente serão apreciadas pelos vereadores, podendo se tornar lei municipal.  

 

A Proposta n.º 1 do subtema n.º 1 foi aprovada com 26 votos favoráveis.

A Proposta nº 2 do subtema nº 1 Tribunal de Júri

Despertar o interesse do jovem por questões voltadas para a participação politica e cidadã. Desenvolver e melhorar habilidades com senso crítico, argumentação, oralidade e persuasão, criando, assim, cidadãos conscientes e participativos, além de proporcionar uma reflexão vocacional na área jurídica.

A Proposta n.º 1 do subtema n.º 1  foi aprovada com 22 votos favoráveis.

 

A Proposta nº 3 do subtema nº 1 Incentivo politico

Tornar acessível, a alunos e professores da rede estadual e municipal, os cursos oferecidos pelo parlamento jovem objetivando a reflexão sobre politica que nos leva a pensar em nosso papel na sociedade.

A Proposta n.º 3 do subtema n.º 1 foi aprovada com 23 votos favoráveis.

A Proposta nº 4 do subtema nº 1  Semana da politica

Inicialmente os professores irão aprender todo o conteúdo através de palestras e cursos, que poderão ser oferecidos via Internet. Após essa primeira etapa, os professores irão repassar as informações aos alunos dentro das disciplinas curriculares, com uma linguagem bastante acessível e de acordo com a faixa etária dos mesmos. Já na fase final, os alunos irão apresentar todo o conteúdo aprendido através de trabalhos criativos, podendo ser escolhidos pelos mesmos.

A Proposta n.º 4 do subtema n.º 1 foi aprovada com 22  votos favoráveis.

 

Subtema 2 grupo 2 – Interações entre Escola e Sociedade na formação politica dos jovens.

 

Subtema n.º 2 Proposta 1 - Observatório político. (MUNICIPAL)

Justificativa: Criar uma parceria entre as escolas e câmaras de todos os municípios, para que estes possam realizar um observatório político, de forma que os alunos, desde o oitavo ano do ensino fundamental até o ensino médio, possam ter a oportunidade de conhecer os poderes, a forma como nossos representantes atuam em suas profissões, mostrando a política como um todo e a importância dela para a sociedade.

A Proposta n.º 1 do subtema n.º 2  foi aprovada com 25 votos favoráveis após modificação feita pelo jovem Keuã.

 

Proposta – 2 A criação de um Parlamento Jovem independente em cada câmara, com a participação de alunos desde o ensino fundamental.

Justificativa: O Parlamento Jovem é um projeto excepcional que abre os olhos dos jovens do ensino médio, que em sua maioria, cresceu alienado e sem o conhecimento necessário para entender o quanto a política é importante na sociedade. Desta forma, se em cada cidade existisse tal projeto desde o ensino fundamental II, as crianças cresceriam mais conscientes de seu papel como cidadão e assim poderiam conscientizar a comunidade na qual estão intrínsecos.

A Proposta n.º 2 do subtema n.º 2 foi aprovada com 29 votos favoráveis após modificações feitas pela jovem Mirlene.

Proposta 3 – (estadual) Patriotismo. Criando-se uma matéria extracurricular a exemplo da matéria “Moral e Cívica”, de forma repensada.

Justificativa: Temos a dádiva de sermos brasileiros, Se as escolas ensinassem o valor do patriotismo, teríamos adultos mais conscientes e determinados a melhorar e lutar pelo Brasil, de forma que a realidade que vivenciamos hoje seria diferente.

A Proposta n.º 3 do subtema n.º 2  foi aprovada com 20 votos favoráveis.

Proposta 5 - “Medidas socioeducativas”, desde series iniciais. Proposta realizada pelo Grêmio Estudantil.

Justificativa: Fazer política dentro da escola, mostrando todos os lados do trabalho, que também é realizado nas câmaras municipais, para que as crianças cresçam conhecedoras do que um representante faz e deve fazer, se tornando adultos conscientes e dispostos a agirem verdadeiramente como cidadãos.

A Proposta n.º 5 do subtema n.º 2  foi aprovada com 27 votos favoráveis.

Proposta 6 - Incentivar a criação de grupos onde o jovem participara  dá vida em sociedade.

Justificativa: Com este incentivo, surgiriam muitos grupos que atuaria nas diferentes áreas sociais, fazendo que jovens possam estar ativamente envolvidos com política. Temos por exemplo os escoteiros, que exercem função de tanto de ajuda ao próximo quanto a natureza, fazendo assim política social.

A Proposta n.º 6 do subtema n.º 2 foi aprovada com 28 votos favoráveis após modificações feitas pela jovem Mirlene.

 

A Proposta n.º 7 do subtema n.º 2 Incentivo fiscal  a empresas que investirem em educação política e cidadania.

Justificativa: Com este incentivo empresas doariam e criariam programas de ajuda as escolas referente a educação.  Como por exemplo, o programa de “iniciação cientifica”.  Idealizado pela Samsung.

Obs.: Para que o incentivo tenha validade a empresa deve estabelecer parcerias com escolas, e ter retorno tanto para o jovem quanto para a sociedade

A Proposta n.º 7 do subtema n.º 2  foi aprovada com 22 votos favoráveis.

A Proposta nº 8 do subtema n.º 2 Olho vivo: escolher alunos do ensino médio para passar o dia com os vereadores e depois repassar os resultados para a sociedade

Justificativa: Seria selecionado um grupo especifico de alunos, que ao final de cada semestre receberiam certificados e serviriam de complemento curricular, aumentando assim sua grade curricular por escolha do corpo docente, onde esse grupo participaria da reunião mensal dos vereadores como forma de estágio para a sociedade. Após  isso, compactaria as informações passadas.

Agrupamento dos representantes das gestões democráticas das escolas do município de João Pinheiro com o objetivo de promover projetos e ideias para âmbito escolar e para sociedade além de tomar frentes em varias decisões municipais, por ter representantes de vários segmentos sociais.

A Proposta n.º 08 do subtema n.º 2 foi com 23 votos favoráveis após modificação proposta pela aluna Vitória.

 

Subtema 3 grupo 3 – Educação Politica para uma gestão democrática e Participativa nas escolas.

 

A Proposta nº 2 do subtema n.º 3 Portal de Transparência: Acesso Facilitado as Informações Escolares.

Justificativa: Tornar acessível aos alunos, professores e demais pessoas do âmbito escolar, informações sobre projetos escolares, decisões escolares, receita escolar e outras informações, através de uma radio interna, jornal ou site. Além disso, vai dar oportunidades de conhecimento sobre determinadas profissões para alunos que interessarem participar do Portal da Transparência.

A Proposta n.º 2 do subtema n.º 3  foi aprovada com 26 votos favoráveis.

 

A Proposta nº 5 do subtema n.º 3 Grêmio Estudantil: Implantação obrigatória do Grêmio Estudantil nas escolas.

Justificativa: Implantação obrigatória do Grêmio Estudantil nas escolas, para que os alunos já possam ser instituídos na vida politica desde cedo. O Grêmio Estudantil e o órgão máximo de representação dos estudantes da escola, lugar onde defendem seus interesses e direitos.

A Proposta n.º 4 do subtema n.º 3  foi aprovada com 22 votos favoráveis.

 

A Proposta nº 5 do subtema n.º 3 Formação de Representantes: Testes de comprovações de  para representantes do segmento dos alunos.

Justificativa: Provas escritas e orais onde testam a capacidade dos alunos que se interessem ao cargo de representante do segmento dos alunos no âmbito escolar. Provas aplicadas por professores que tenham conhecimento sobre cidadania e politica.

Proposta n.º 5 do subtema n.º 3  foi aprovada com 18 votos favoráveis.

   O próximo compromisso dos jovens é em Unaí na plenária regional que analisará as propostas de João Pinheiro, Unaí e Bonfinópolis que após votadas serão sintetizadas num único documento e levadas a plenária estadual de Belo Horizonte.


Redação por: Vinícius Mendonça

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados